Zoom

Este livro provocante, sem palavras, pode ser “lido” tanto de trás para frente como de frente para trás. Suas ilustrações dão a ilusão de que o leitor se afasta rapidamente de cada página.

O livro de Lívio

Lívio adora livros e sonha em ser personagem de um livro.Um dia, ele se depara com uma placa anunciando um teste para ocupar uma vaga dessa. Sua confiança fica abalada quando os jurados o acham “estranho” para o papel.Será que Lívio precisa ser igual aos personagens de que gosta para conquistar o que tanto deseja?

O lobinho bom

Era uma vez um lobinho bom chamado Rolf, que é gentil com seus amigos, come todas as verduras do prato e adora assar bolos. Mas lobos de verdade não são bons – lobos de verdade são grandes e maus. Será que Rolf vai conseguir encontrar o grande lobo mau que vive dentro dele?

Manu e Mila

Céu anil, jardim florido, sol e nuvens branquinhas. Mila acordou inspirada e foi logo nomeando suas sensações com poesia. Sabia que aquela manhã deliciosa lhe traria um caminho: “Hoje é um dia perfeito para encontrar a alegria”, disse ao Manu, que logo contestou: “Mas onde encontrar a alegria?”. Em suas pequenas grandes convicções, eles foram, ao ar livre, procurar o que podia estar ali sob seus olhos. No alto de uma árvore, debaixo de uma joaninha. Manu achava uma coisa, a garota Mila encontrava outra. O que não sabiam é que essa busca tinha muito em comum: o viver, na delicadeza do que o outro nos apresenta.