O incrível livro do Gildo

Em um dia de inspiração, Gildo, com o apoio da irmã Laurinha, do pai, da mãe e dos amigos, começa a escrever um livro – uma incrível narrativa assustadora sobre monstros! Nesse processo de escrita, como não quer desapontar ninguém, o elefante busca ouvir e atender à opinião de todos, porém isso não é tão simples quanto parece. Os monstros ferozes, agora, são bons monstros bailarinos que recebem a visita de extraterrestres e são atacados por um robô malvado… ou por piratas? Ou por uma rainha má? Mas e a opinião de Gildo? Como ele gostaria de terminar essa história? Ainda bem que a Socorro tem um conselho especial para dar ao amigo elefante.Nessa obra, o leitor irá encontrar uma narrativa dentro de outra – uma, terna e delicada; a outra, mirabolante, assustadora e divertida!

Macaco danado

Borboleta e macaquinho saem em busca da mamãe macaca. Ela tem uma cauda elegante, mas não é uma cobra; tem pernas compridas, mas não é uma aranha; vive saltando, mas não é sapo. Macaco Danado mostra que muitas vezes a descrição de parte de um todo pode nos remeter a outro todo, completamente diferente. Principalmente em se tratando de macacos, borboletas e seus respectivos filhotes: a maior dificuldade da borboleta está em entender que a mãe do macaco é parecida com ele, pois filhote de borboleta (a lagarta) não se parece com borboleta adulta.

É preciso soltar o Gaspar!

Gaspar, o cabrito, ficou trancado na despensa e o serralheiro não pode acudir. Quem será que irá ajudar Dona Cabra, sua mãe, a tirá-lo de lá? Nesta divertida história cumulativa, o autor francês Geoffroy de Pennart traz novamente personagens de diferentes contos de fada em novas situações.