Zeca zangado

Não é justo! Isto não é justo! Zeca é assim: não gosta nada dos planos que as pessoas têm para ele. Quando as coisas não saem como esperado, ele dá sempre um jeito de destruir tudo. Mas será que ele é mesmo “genioso”, como gostam de dizer, ou é assim porque ninguém procura saber o que ele quer de verdade? O problema é que Zeca não consegue nem defender seu ponto de vista. Quando não concorda com algo, vai logo soltando fogo pelas ventas e pondo tudo a perder, criando complicações para os amigos e a família. Até que uma ajudinha preciosa, vinda de quem o ama muito, faz com que ele possa compreender o que sente e lidar com suas emoções. Calma, Zeca. Respira!

Eu sou uma menina!

Determinada, esperta, cheia de atitude e energia, assim é a menina dessa história. E não é que muita gente a confunde com um menino?! Mas essa personagem nunca se dá por vencida: ela é uma menina! Anda de patinete, lê muitos livros, é uma ótima nadadora, adora música, gosta de uma bagunça, brinca de faz de conta com os amigos. Ela não para. E o livro segue o seu ritmo! Colorida, divertida e dinâmica, a obra prova que o mais importante é sermos o que somos e o que queremos ser!